quarta-feira, 18 de abril de 2012

Faça alguma por você!




Se você anda meio “p” da vida, meio chateada, meio pra baixo, angustiada, enxergando aquelas rugas que até ontem você jurava que não estavam ali...
Achando tudo meio monótono, meio sem graça...
Parada, lamentando ou chorando não dá pra ficar.
Eu sei que marido detesta discutir relação, que filho às vezes é ingrato, entendo que não é fácil encarar que aquela calça jeans que você adora, não entra mais nem se você prender a respiração...
Bom, eu sei disso tudo e sei de mais um monte de coisas que nos deixam pra baixo sem vontade nem mesmo de abrir a janela, mas mesmo assim eu me arrisco a deixar aqui a minha receitinha:
Levante já dai, tome um banho e quando estiver debaixo do chuveiro imagine que a água que lava seu corpo esta lavando sua alma e levando embora tudo o que te incomoda.
Aproveite esse momento para fazer uma oração...
Penteie o s cabelos, coloque uma roupa bem colorida, olhe o céu, e nem se importe se ele não estiver totalmente azul, o que importa é que você pode vê-lo.
Se estiver chovendo fique um tempo olhando a chuva, olhe as pessoas que passam na rua... (mas não vá ficar o dia todo na janela)
Arrume sua casa, limpe tudo, troque móveis de lugar, ( se puder), uma cadeira que seja, coloque flores, mude a roupa de cama...
Como uma fruta bem devagar, dê uma folheada naquela revista, escute uma música, ( eu adoro Enya nestes momentos, conhece?)
Chore se quiser, mas não demais!
Faça uma flor de pano, quem sabe de crochê?
Faça um bela salada para o almoço, lave tudo bem devagar, sem pressa, ou quem sabe um caldo?
Onde você mora tem um armarinho? Aquelas lojinhas antigas, meio empoeiradas, quase sempre são escuras, que vendem de tudo, desde vela até botão?
Dê uma chegadinha lá no final da tarde, tem sempre uma senhorinha que já não escuta direito, que entende sachê, quando a gente pergunta se tem agulha de choche... Rsrsrs
Chegue bem pertinho dela, fale bem explicadinho, e quem sabe você não encontra alguns botões, esquecidos numa gavetinha qualquer, de madrepérola, daqueles que não se usa mais, mas que hoje em dia daria um belo broche .
Conversem um pouco, elas tem sempre histórias pra contar.
Na volta, passe na padaria, esqueça a balança e compre um belo croissant, ou um sonho com bastante recheio e chegando em casa faça um café ou um chá e se alimente deste momento, mesmo que esteja sozinha.
Já é noite, os moradores da casa começam a chegar e com certeza vão te encontrar diferente, depois de um dia especial que você passou com você mesma.
Amanhã será outro dia e com certeza depois de hoje você estará melhor.

Bjs

Carla Pianchão

9 comentários:

  1. Olá Carla
    Belo texto...obrigada...estava precisando!!
    Bj
    Nilda

    ResponderExcluir
  2. Menina, você escreveu para mim! Estou assim mesmo...
    Adorei suas dicas...
    Paz e Luz
    Bjcas
    Graça

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelas palavras e trilha sonora...amo henya.

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto Cá...tomo banho sempre com esse pensamento, reorganizo a vida dessa forma e adoro Enya... uma simples lição para o Viver bem...♥

    ResponderExcluir
  5. Que lindo, amei!!!! Cheguei até vc pela "Marcinha", muito obrigada pela linda mensagem, felicidades!!! beijão!!

    ResponderExcluir
  6. Poxa vida!!! Entrei passeando, chateada e magoada e eis que vc fala ao meu coração. Obrigada, chorei e já está passando. Bjus.

    ResponderExcluir
  7. Lindo !!!!
    Hj estou precisando disso mesmo...
    Bjos Flor !!!!

    ResponderExcluir
  8. Que delícia de mensagem que vc deixou são coisas simples mas que fazem muito bem e poucos sabes desfrutar...parabéns.

    ResponderExcluir

Volte sempre!

Related Posts with Thumbnails